Mais de 50 mil vagas em Concursos Federais em 2021: Conheça o PLOA

Publicidade

O Governo Federal prevê concurso federal com várias vagas. Estão sendo cotadas cerca 50 mil vagas para o ano de 2021. Apesar de ainda não ter sido concretizado, trata-se de uma previsão orçamentária, a qual indica que há uma previsão de abertura de vagas ao nível federal. 

De acordo com a PLOA 2021, estão previstas 53.111 vagas em concursos públicos. O Projeto de Lei Orçamentária Anual 2021 é responsável por prever os valores e os motivos de gastos orçamentários. A proposta foi apresentada pelo governo federal para o congresso e aguarda avaliação.

Publicidade

Alguns dos concursos federais abertos em 2020 acabaram sendo interrompidos  por questões de logísticas e sanitárias devido à pandemia. Porém, alguns dos concursos federais 2020  foram adiados para 2021. Juntando-se aos já previstos de acordo com a PLOA.

Ploa 2021 (imagem: Google)

O que é PLOA

Popularmente conhecido como PLOA, o Projeto de Lei Orçamentária Anual consiste na previsão dos gastos que serão realizados no ano seguinte. Ou seja, é através da PLOA que se estabelece a receita e os gastos previstos para o ano seguinte.

Para ser aprovado e virar Lei (LOA – Lei Orçamentária Anual) é necessário que o PL seja votado pelo congresso nacional. Após a sua aprovação ou modificação, deverá ir para o senado e, após isso, para sanção presidencial, que passará a ser visto como Lei.

Após sanção presidencial, a verba passa a ser distribuídas pela união para estados e repassados para municípios. É a partir dessa lei que se define o teto de gastos, evitando que se gaste mais do que foi proposto no ano anterior. É fundamental para a administração que se faça a LOA.

Publicidade

Deficit de vagas

O serviço público Brasileiro possui um deficit de vagas enorme. São vários os fatores que influenciam essa falta de servidores. As razões são desde a aposentadoria e a não realização de novos concursos, como também, a necessidade da criação de novos cargos, devido à mudança do mundo do trabalho.

Algumas vagas surgem e outras são extintas, isso é uma coisa cíclica, novas demandas são necessárias e outras deixam de fazer sentido. Nessa perspectiva, existe a necessidade de se criar vagas para funções e cargos específicos, que, muitas vezes são atribuídas a funcionários que deveriam exercer outras funções.

Devido à não realização de novos concursos para repor as vagas em que houve, por algum motivo, a ausência de um servidor para ela, existe um buraco enorme nas vagas que deveriam estar ocupadas e contempladas com alguém que assumisse a função e torna-se a máquina pública mais eficiente.

Distribuição de vagas previstas

A previsão é para que sejam criadas 2.165 vagas, sendo 1.154 para o poder judiciário, além de 1.011 vagas voltadas  para a Defensoria Pública da União. Além disso, estão previstas 50.946 vagas para provimento, sendo 48.272 vagas destinadas para o Poder Executivo. 

Está sendo previsto um número significativo de vagas para concursos federais em 2021. O PLOA prevê uma quantidade interessante para aqueles que desejam concorrer a vagas no serviço público. As vagas previstas estão dispostas da seguinte forma:

  • 127 vagas – Ministério Público da União e Conselho Nacional do Ministério Público;
  • 140 vagas – Poder Legislativo;
  • 1.016 vagas – Defensoria Pública da União;
  • 3.556 vagas – Poder Judiciário;
  • 48.272 vagas – Poder Executivo.

Caso se concretize, será um número bastante expressivo, principalmente, para a escala federal. Geralmente os concursos federais são bastante cobiçados. Afinal, muitas pessoas buscam por estabilidade financeira, e, sem dúvidas, concursos públicos auxiliam bastante nesse quesito. 

Concurso mais próximo 

Das 140 vagas previstas pelo PLOA para o poder Legislativo, todas para provimento, existe uma divisão entre as funções. De acordo com o planejamento, existe uma divisão, é possível observar a seguinte distribuição de vagas:

  • 30 vagas – Tribunal de Contas;
  • 40 vagas – Senado Federal;
  • 70 vagas – Câmara dos Deputados.

Entre os órgãos do Legislativo, o Senado é o que deve ter o concurso mais próximo. Para os próximos dias, espera-se que a casa anuncie a banca organizadora do concurso, sendo a Cebraspe como a mais cotada para assumir as rédeas do processo seletivo. Tendo vagas nas áreas de:

  • Advocacia – 4 vagas;
  • Policial Legislativo – 24 vagas;
  • Administração – 2 vagas;
  • Arquivologia – 1 vaga;
  • Assistência Social – 1 vaga;
  • Contabilidade – 1 vaga;
  • Engenharia do Trabalho – 1 vaga;
  • Engenharia Eletrônica e Telecomunicações – 1 vaga;

A previsão é que exista um número elevado de inscritos, por volta de 67 mil. Esse número previsto, estima 48 mil inscritos para policial legislativo, 13.500 para analista legislativo e 5.500 para advogados. É uma excelente oportunidade para quem deseja obter estabilidade financeira. Sucesso!

Publicidade